Pesquisar este blog

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Eu sai do meu martírio de escritor desconhecido 2001 puBliquei o corpo seco a bateria ta no fim....

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Louco

Era tão louco que quando foi tirar carteira de motorista ficou devendo pontos no psicotecnico!!

Desossar

Me embriague vida porque senão o sol vai me queimar, a vida um vagar,vagabundo ou vagamundo! o que pensar quando não se pensa ,ah!criatura eu quero me desossar na terapia da vida, porque espelho,espelho breu existe alguem que ja sofreu como eu!?

Papel

Papel digital que escancara minhas vergonhas como um cuspe na cara,papel digital amoral, papel digital grosso sal, papel digital que não abraça,papel digital frio e sem graça como o metal,papel digital seja mais humano por favor!

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Ah! Uma jaula!

Para o pensamento que te atormenta,para palavra maldita,para o beijar não consumado,para o politico que pelo dinheiro é tarado, para quem bate em uma mulher,para quem fuma horrores e depois toma café,para esse insano luciano que voz fala na letra -palavra!

Finados

Fim dos meus nados da piscina da vida vou pedir alforria, o insustentavel fim a leveza de um querubim,mostrarei para voce que é tão facil assim,feche os olhos,boca e ouvidos e sinta o jasmim, o fim esta contido nele mesmo,estar é brilhar seja em qualquer lugar, seja forte porque ninguem precisa nascer com a sorte de aceitar a morte!

Deliciosa volupia da carne

Peitos é preciso ter peitos,pode ser o pessego facilmente abocanhavel,nada como bicos duros num dia escuro,meu futuro peitos de abobora quitutes da vovô minha companheira,presente um peito consistente,que me deixa contente, ah! mulheres vocês tem conteudo, mas não sabem o valor que vocês tem!